Posts Tagged 'tv a cabo'

O fiasco do Super Chef

Tem coisas na tv brasileira que são realmente impagáveis.  A mais nova de Ana Maria Braga é o reallity show Super Chef, uma competição de gastronomia que imita o Top Chef da Sony. No Top Chef, os cozinheiros preparam os pratos  e um júri especializado vota nas melhores receitas após provarem os quitutes. Antes de vir trabalhar essa semana parei rapidinho pra ver a versão brasileira. A produção “incrível” de Ana Maria adaptou o programa.. Primeiro, os participantes votam pra eliminar um dos concorrentes, a la Big Brother. Os motivos pra eliminar um colega eram Ó-TE-MOS. “Acho que fulano deve sair porque ele é falso, não olha nos olhos”. Como assim?? É competição de simpatia ou de gastronomia?

 

Enfim, daí os dois mais indicados vão pra o paredão, ops! Errei, vão pra “Panela de Pressão”. Sim, esse é o nome fantástico que a produção inventou. Daí, no final, quem escolhe o melhor cozinheiro é o telespectador. Simmmm, vc que não comeu a comida vai escolher o melhor cozinheiro. Vota no prato que você  achou mais bonitinho e no cozinheiro mais simpático e menos falso (?).

 

Uma competição de culinária tinha tudo pra ser bacana se Ana Maria e sua produção não avacalhassem tudo.  Viva a tv a cabo!

C.

Anúncios

Minhas séries preferidas

Pode se considerar sortudo aquele que tem o privilégio de ter tv a cabo hoje em casa. A maior tortura do mundo é um sábado à noite na tv aberta. Façam-me o favor! Zorra Total, A Noite é uma Criança, realmente não dá! A possibilidade de escolher outra programação, que vai além dessa imposta pelos canais abertos é realmente redentora. Às vezes me perco no volume de produções, perco o horário dos programas, mas com as séries tento estar bem atualizada. Todo fanático por séries tem sua lista particular das melhores produções. Aí vai a minha lista de recomendados.


1.   Friends: a comédia mais bem sucedida de todos os tempos acabou em 2004, mas mesmo quatro anos depois continua arrebatando corações. Despretensiosa, química perfeita entre o elenco, diálogos inteligentes fazem a gente de apaixonar por Mônica, Chandler, Joy, Phoebe, Rachel e Ross. Fanáticos pela série sempre acham um desses personagens pra se identificar, eu e meu grupo de amigos fazemos isso! Já assisti as dez temporadas e não canso de ver de novo. Passa na Warner.



2.      House: Se engana quem pensa que House é mais uma daquelas séries médicas estilo E.R (Plantão Médico). Em House, a história do paciente é secundário. House é completamente sem noção, mas é um profissional tão bom e e é de um carisma que mesmo sendo um insano qualquer fã da série é apaixonado por ele. Um humor sarcástico, por vezes negro, uma liberdade de ser e de falar que por vezes o invejamos. House não tem limite e sem falar que faz piadas Ó-TI-MASe e é charmosíssimo. Passa na Universal.



3.      The Office: O escritório de uma empresa que vende papel. Esse é o cenário de The Office. Tinha tudo pra ser entediante, mas é genial. A idéia é de que a série é um documentário sobre os funcionários da empresa, por diversas vezes durante o episódio os personagens chegam a dar depoimentos. Steve Carel é Micahel o diretor da empresa, um chefe sem um pingo de simancol, daqueles que a gente que trabalha conhece bem heheh. Ele é o ator de Virgem de 40 anos e Todo Poderoso 2, é pouco conhecido no Brasil. É um humor diferente, mais sutil, mas é incrível também. A série Os Aspones que passou na Globo foi inspirada em The Office. Passa no FX.

Outras opções incríveis de séries:

 

 


As antigas: Mad about You (Warner), Seinfield (Sony), Gilmore Gilrs (Warner)


No ar com temporadas novas: Justiça Sem Limites (Fox), Two and a Half Man (Waner), The Big Bang Theory (Waner), How I meet Your Mother (Fox Life), 30 Rock (Sony), Everybody Hates Chris (Sony)Depois vou fazer uma listinha dos programas que considero  bacanas da tv aberta!
C.

 

 

 


A observadora

Sou Cibele Tenório, jornalista (com diploma – para total escândalo de Gilmar Mendes), webaholic, mulher de fases. Seja bem vindo!

Eu lá no twitter

  • Aprendi com @MichelleObama que nosso lema de vida deve ser : quanto mais baixo jogam com a gente, mais alto nós jogamos ❤️ 4 days ago
  • RT @modices: tomara que em 2018 a gente veja menos gordofobia disfarçada de preocupação com ~saúde~ 4 days ago

Arquivos

RSS Observatório do Cotidiano