Igreja usa músicas do U2 em cerimônia

Pessoal, deixo com vocês uma notícia que li na Rolling Stones. Para quem sempre pensa sobre a dicotomia “secular-sagrado” vale ver a iniciativa desse pessoal …

u2

Músicas do U2 serão tocadas durante cerimônias dominicais de uma igreja na Flórida, Estados Unidos. A celebração religiosa, batizada de U2charist – uma mistura do nome da banda com a palavra Eucaristia -, estreou no último dia 23, na First United Methodist Church da cidade de Pensacola.


O site Pensacola News Journal informa que “One”, “With or Without You” e “Beautiful Day” (esta na abertura) fazem parte da cerimônia. “É algo definitivamente diferente”, afirmou ao veículo o reverendo Geoffrey Lentz, um dos responsáveis pelo templo. “Mas a música do U2 é tão profundamente espiritual que acredito que a hora da adoração é o lugar perfeito para ela.”

A iniciativa não é exclusividade de Pensacola. A primeira U2charist, informa a publicação, foi formulada em 2003 pela Igreja Episcopal e mudou de nome em outras entidades. Na estreia deste final de semana, cerca de 200 pessoas participaram do culto, que teve também “Where the Streets Have No Name” e “I Still Haven’t Found What I’m Looking For”.

O diretor de comunicação da First United Methodist de Pensacola, Jeb Hunt, acrescentou que o mais difícil para incorporar o U2 na celebração foi a escolha das músicas. “Sentamos e vimos as canções do U2 – haviam toneladas delas – para tentar escolher aquelas que seriam melhor usadas na adoração”, explicou. “Não é apenas um show do U2. Nós queríamos músicas com a narrativa da história que estamos tentando contar, sobre a redenção e ressurreição cristã.”

Segundo a reportagem, a banda não cobra direitos autorais das igrejas, desde que as doações acumuladas na U2charist sejam direcionadas ao combate da pobreza global, em especial a entidade beneficente Millennium Development Goals, da qual Bono é embaixador.

Anúncios

3 Responses to “Igreja usa músicas do U2 em cerimônia”


  1. 1 Jhônatas Cabral 29 agosto, 2009 às 2:40 pm

    Já pensei em cantar Milton, skank e outros mais na igreja. Imagino que os anjos tocam U2 escondidos e Deus os escuta atrás da porta. Não precisamos atribuir tudo que foge do “padrão espiritual” ao “lado mau da força”. Penso que o criador da beleza aprecia o que é belo, Ele sonda cada sentimento e sentido. Cabe a Ele esse papel e se o tomamos como refém, para cada vã convicção nossa, limitamos sua graça, “finitamos” o que é infinito. Creio que nossa missão é torná-lo bem vivo dentro de nós, glorificando-o em tudo o que somos e fazemos. Seja na poesia de Cantares de Salomão (que nada tem a ver com a igreja como noiva de Cristo)em que exalta o amor e a expressão “eros”, seja nas ortodoxas leis dos dez mandamentos.

    Abraçosssssssssssssssssssss

  2. 2 Edita 26 maio, 2010 às 9:38 pm

    O site Pensacola News Journal informa que “One”, “With or Without You” e “Beautiful Day” (esta na abertura) fazem parte da cerimônia. “É algo definitivamente diferente”, afirmou ao veículo o reverendo Geoffrey Lentz, um dos responsáveis pelo templo. “Mas a música do U2 é tão profundamente espiritual que acredito que a hora da adoração é o lugar perfeito para ela.”A iniciativa não é exclusividade de Pensacola. A primeira U2charist, informa a publicação, foi formulada em 2003 pela Igreja Episcopal e mudou de nome em outras entidades. Na estreia deste final de semana, cerca de 200 pessoas participaram do culto, que teve também “Where the Streets Have No Name” e “I Still Haven’t Found What I’m Looking For”.O diretor de comunicação da First United Methodist de Pensacola, Jeb Hunt, acrescentou que o mais difícil para incorporar o U2 na celebração foi a escolha das músicas. “Sentamos e vimos as canções do U2 – haviam toneladas delas – para tentar escolher aquelas que seriam melhor usadas na adoração”, explicou. “Não é apenas um show do U2. Nós queríamos músicas com a narrativa da história que estamos tentando contar, sobre a redenção e ressurreição cristã.”Segundo a reportagem, a banda não cobra direitos autorais das igrejas, desde que as doações acumuladas na U2charist sejam direcionadas ao combate da pobreza global, em especial a entidade beneficente Millennium Development Goals, da qual Bono é embaixador.
    +1


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




A observadora

Sou Cibele Tenório, jornalista (com diploma – para total escândalo de Gilmar Mendes), webaholic, mulher de fases. Seja bem vindo!

Eu lá no twitter

Arquivos

RSS Observatório do Cotidiano


%d blogueiros gostam disto: