Talvez

Perdeu-se o encanto do começo?

“Talvez”, você diga

Eu respondo: “jamais”

Na caminhada da revelação de quem somos

Eu continuo obstinada

A conhecer-te mais

Nunca me darei por satisfeita

Talvez do outro lado

Você já não queira ouvir as minhas coisas

A intensidade, eu sei, às vezes cansa

Mas não sei ser de outro jeito

Se é pra sentir,a gente sente

Se é pra falar, a gente fala até o que não devia

Se é pra pensar, a gente pensa além do que permitiram

Forte, frágil, sorrisos, abraços

Como já dizia o poema

Metade de mim é abrigo

Mas a outra metade é cansaço

Não há como deixar de ser

Porque ser, hoje em dia, é coisa rara

Talvez você já não se interesse tanto

Mas eu continuo sendo

E de ser não abro mão

C.

Anúncios

0 Responses to “Talvez”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




A observadora

Sou Cibele Tenório, jornalista (com diploma – para total escândalo de Gilmar Mendes), webaholic, mulher de fases. Seja bem vindo!

Eu lá no twitter

Arquivos

RSS Observatório do Cotidiano


%d blogueiros gostam disto: