A palavra minha

 

A palavra é a minha arma

É minha canção

A palavra, tradução da alma

É faca amolada

Na mente do que já não contesta

Minha palavra também é consolo

É identificação

Minha palavra, quando deseja

Vira um laço de fita vermelho

letras, pontos e vírgulas embrulhados

num papel bonito

é o presente que dou aqueles que  amo

A palavra, companheira

Ferramenta de transformação

Por vezes foi o abraço que quis dar

E não pude

Foi o sentimento

Que facilmente escrevi na folha em branco

Mas que diante dos teus olhos

Tive dificuldade de explicar

A palavra, minha arte

Minha missão

Da minha boca e de minhas mãos

Elas saem ágeis

Como se tivessem pressa

de conhecer ou serem conhecidas

Ganham vida, enchem a sala e o papel

Provocam sorrisos

Inquietam a mente

A palavra, minha ferramenta

minha extensão

Já não sei se sou palavra

Ou se a palavra é que é Cibele

 

 

C.

 

 

 

 

 

 

Anúncios

4 Responses to “A palavra minha”


  1. 1 Carlos Henrique 26 maio, 2008 às 5:12 am

    Perfeito esse poema, Ci!
    Li todo me identificando(em algumas partes) e kerendo saber quem o tinnha escrito e no fim… Cibele!!! C.
    Ótimo de verdade!
    Parabéns!
    A parte q mais parece comigo foi essa de conseguir expressar-se melhor escrevendo que falando.
    Às vezes, é bem mais fácil parar e escrever do que estar com akele olhar fixado em vc no momento em q as idéias e sentimentos tentam se expressar por palavras…
    E essa imagem tá show!!!
    bjo

  2. 2 caritenorio 27 maio, 2008 às 10:32 pm

    Olá querida! Sou carina, estudo psicologia, e fiz recentemente meu blog…era um desejo antigo!
    Vejo que temos o memso sobrenome! rsrs
    Visitei seu blog…pela Elaine Thamar q acredito ser sua amiga não é!? Ela me indicou o seu endereço…
    Bijão pra ti.
    Acho q podemos manter contato!
    A paz…

    http://www.caritenorio.wordpress.com

  3. 3 Mauricélia 27 maio, 2008 às 11:52 pm

    Cibi, amada, que texto lindo. Vc deveria investir mais nos poemas viu, sua danada.
    Ah, e que imagem linda!!! Me senti essa moça da foto. Onde vc conseguiu?
    Bjos e parabéns!

  4. 4 Mêlany *de olho na Net 28 julho, 2008 às 9:42 pm

    Oi.. vc ñ me conhece, mas eu estava de olho na internet… e acabei entrando no seu blog pelo Google…

    poxa.. mto bom o blog, adorei! rsrs

    eu não tenho um.. já pensei em fazer, mas deixei pra lá… tenho mta coisa pra fazer na vida, seria uma perda de tempo pra mim.. haushahsuah

    o q gostei mesmo foi dessa foto.. mt na moral…

    ^^

    Bjs, Deus te abençoe!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




A observadora

Sou Cibele Tenório, jornalista (com diploma – para total escândalo de Gilmar Mendes), webaholic, mulher de fases. Seja bem vindo!

Eu lá no twitter

Arquivos

RSS Observatório do Cotidiano


%d blogueiros gostam disto: